Chukcha / Shutterstock.comPara enfrentar a diminuição no alcance orgânico, grandes anunciantes estão mudando para rede de compartilhamento de imagens

Leia o resto deste post »

Iniciativa aproveitará para demonstrar a melhoria da qualidade dos anúncios da empresa, disse seu CEO

Leia o resto deste post »

Como você sabe, em 1 de janeiro de 2015 serão implementadas alterações nos termos de uso do Facebook. E você até porque houve uma espécie de mini-revolta na rede, com as pessoas publicando declarações formais (nem por isso, com valor legal) que não aceitavam determinadas alterações que eventualmente ocorreriam Leia o resto deste post »

Uma das palestras mais provocantes da IV Conferência Internacional em Qualidade de Informação, realizada pela QIBRAS e pela ABEMD, foi “Big Data, Small Data, Clean Data, Messy Data”, proferida por Stephen Yu, atualmente presidente e consultor-chefe da Willow Data Strategy e, antes, co-fundador, visionário e principal arquiteto de tecnologia da I-Behavior, a primeira empresa a incorporar dados transacionais ao processo de ultrassegmentação baseada em modelos. Continue lendo em Zona de Desconforto

Leia este e outros posts na Zona de Desconforto

Já diz o ditado popular: tempo é dinheiro. E, nas grandes metrópoles brasileiras, cada vez se perde mais. Segundo pesquisa da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, em 2013, os engarrafamentos custaram R$ 98 bilhões ao país, o que corresponde a 2% do PIB nacional. Para chegar a essa conta, foram consideradas apenas as horas de trabalho perdidas e custos com combustível nas capitais São Paulo e Rio de Janeiro. Não estão os desgastes do carro e custos com seguro, o pagamento de horas extras, nem a queda de produtividade. Sem falar nas consequências à saúde causadas pelo estresse e o desembolso para tratá-las. Ou seja, o custo da imobilidade urbana em todo o país deve ser bem maior do que o estimado Leia o resto deste post »

Estudo: para gerar compartilhamento, o segredo é entusiasmo, não celebridades

O que Bob Dylan, Ellen DeGeneres, Stephen Colbert, os Muppets, U2 e o elenco do seriado dos anos 90 Full House têm em comum? Todos eles estrelaram comerciais do Super Bowl neste ano e nenhum deles chegou perto do topo da lista quando falamos em compartilhamento dos comerciais online. O desempenho morno das celebridades na geração de compartilhamento de anúncios online é uma das principais conclusões de um novo estudo da Unruly Media intitulado “The Science of Sharing 2014″, em grande parte voltada para o desempenho dos anúncios do Super Bowl deste ano. O estudo concluiu que apenas as celebridades não geram o compartilhamento de anúncios online (isso foi verdade por um tempo) e que os anúncios mais compartilhados foram os que evocavam respostas psicológicas intensas. Fonte: Adweek Leia o resto deste post »

Infográfico: o que sua marca não pode usar durante a Copa do Mundo

A #Copadascopas está chegando. E também está chegando a temporada de ações contra empresas que usarem marcas e expressões indevidamente. A Iska Digital preparou um infográfico (que pode ser visto na íntegra mais abaixo) para você se orientar. Fonte: Adnews

Twitter demonstra foco em vídeo, contratando executivo do YouTube Leia o resto deste post »

The Worst Social Media Marketing Advice You Will Ever HearPara começar 2014 com um presente, segue este artigo publicado no blog do Jeff Bullas, consultor australiano que é um dos maiores especialistas do mundo em blogging e mídias sociais, e escrito por Sharon Michaels, design specialist na empresa Addictive Media, de Nova Delhi, India (mais internacional, impossível, admita) Leia o resto deste post »

CIA reconhece a existência da Área 51 (mas sem extraterrestres)A notícia que todo caçador de alienígenas esperava veio esta semana: o governo americano confirmou a existência oficial da Área 51. Segundo The Atlantic Wire, documentos que recentemente deixaram de ser confidenciais, obtidos pelo Arquivo de Segurança Nacional da Universidade George Washington, parecem, pela primeira vez, reconhecer a existência da Área 51. Centenas de páginas descrevem a gênese do local no estado de Nevada, como o lar de programa avião espião do governo durante décadas. Os documentos , no entanto, não mencionam “aliens”. Leia o resto deste post »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 46 outros seguidores