Conexão entre experiência e fidelidade, novos modelos, perspectiva global e novos mercados

A fidelidade do consumidor ainda é uma top prioridade para os tomadores de decisão no marketing das empresas, afirma Emily Collins, analista senior da Forrester Research. Mas os dados da consultoria mostram que, para continuar relevante, é preciso continuar crescendo. E os provedores de soluções de fidelização estão fazendo isso em 4 áreas chave: apostando alto na conexão entre experiência do consumidor e fidelidade (premiando experiências e não apenas transações, por exemplo), revolucionando os modelos tradicionais de fidelização, adotando uma perspectiva global e expandindo para novos mercados. Fonte: Colloquy

Leia o resto deste post »

Um dos segredos é aprender a usar os dados de forma mais inteligente e mais responsável
Leia o resto deste post »

Photo credit: TargetCom seus Connected Healt integrados aos smartphones dos clientes, a rede está indo além de oferecer um serviço, está criando um produto real
Se você quiser tirar a temperatura do futuro de varejo, o melhor lugar para fazer isso é provavelmente uma das 550 lojas da Target. Através delas, o varejista de US$ 73,8 bi está pilotando centros de “bem estar”, chamados Connected Health, uma clara consequência da recente parceria com a rede de farmácias CVS Health. Essas seções incluem equipamentos médios, como monitores de pressão sanguínea que podem rastrear e registrar informações sobre a saúde dos clientes registrados nos centros via smartphones. Esses centros podem ajudar a Target a rastrear também as necessidades de outros consumidores. Dessa forma, a Target está indo além da oferta de bem estar como um serviço, o que muitos outros varejistas já fazem. Em vez disso, a rede está reformulando o atenção com a saúde dos seus clientes, tornando-a um real e consumível produto de varejo, através dos smartphones. Fonte: Forbes

Leia o resto deste post »

 

Para aprender mais sobre o mercado de entregas no mesmo dia, a UPS investe em potencial concorrente. Leia abaixo

Apps móveis e mídias sociais são vistos como canais com pouca segurança, daí a preferência por telefones e websites

Leia o resto deste post »

Cupons digitais estão em alta. Veja abaixo

Fazer programas mais divertidos, usar mais mobile e mídias sociais e não confiar que “o silêncio é de ouro”

A equipe do site Colloquy publicou uma lista muito relevante do que fazer e do que não fazer para tornar mais eficazes as estratégias de fidelização. Em relação ao que “não fazer”, eles sugerem “não atolar na lama”, ou seja, é importante dar diversão aos participantes. Games, videos, conteúdo interativo, o que for necessário. Os administradores também não devem confiar em “o silêncio é de ouro”, ou seja, não achar que a falta de reclamações é um bom sinal. Pode ser que não, e participantes que vão embora sem reclamar irão levar outros. Entre os pontos que você deve fazer, destacamos o “mobile-ize”, ou seja, entender que o mundo virou móvel. Da mesma forma, é importante usar mídias sociais. E parcerias. Além disso, eles aconselham a “cavar mais fundo”, ou seja, entender de uma vez por toda que nem todos os participantes são iguais – e alguns são mais iguais, e melhores, do que outros. Fonte: Colloquy

Leia o resto deste post »

Barbie adota a diferença. Veja abaixo

Dependendo da política, aumentam as compras e diminuem as devoluções

Uma nova pesquisa da Universidade do Texas/Dallas descobriu que uma política mais leniente em relação à devolução de produtos tem um surpreendente efeito positivo nas decisões de compra dos consumidores. O estudo demonstrou que a ideia de que todas as politicas afetam compras e retornos de maneira similar está errada, analisando principalmente como as devoluções e as compras eram afetadas por cinco elementos: tempo, dinheiro, esforço, escopo e trocas. No geral, políticas mais generosas levaram a mais compras – e até mesmo em um quantidade ligeiramente menor de devoluções. “Na fase de pré-compra, os consumidores provavelmente pesam os custos e benefícios da compra”, afirmou Ryan Freling, da equipe de pesquisadores. “Se a política de devoluções é mais generosa – inclusive em relação ao escopo, ou seja, mais itens com direito a devolução – um consumidor pode dizer ‘oh, isso está em liquidação, parece um bom valor, vou comprar e se precisa eu o devolvo’.” Fonte: Retail Wire

Leia o resto deste post »

Shopping carts at Costco in Fairfax, Virginia, January 7, 2010.   REUTERS/Larry Downing  Formato de clube de compras e a capacidade para trazer as pessoas às lojas estão fazendo a diferença
A Costco é a maior rede de “atacarejo” dos EUA e acaba de ser declarada pelos analistas da bolsa uma empresa “amazon-proof”. Ou seja, ao contrário das outras gigantes do varejo, como Walmart e Target, a rede não fica brincando de pega-pega com a gigante do e-commerce – joga em outra liga. E o segredo parece ser o modelo de “clube de compras” (tipo Makro, mas bem mais a sério) e a capacidade de estimular os consumidores a fazerem compras em suas lojas, com ofertas realmente atraentes em produtos que as pessoas preferem comprar pessoalmente, como gasolina e comida. Os preços baixo dos combustíveis tem feito aumentar a inscrição dos consumidores e a área de alimentação da empresa oferecem uma cadeia de pizzarias que tem o potencial de ser tornar uma das maiores dos EUA. Fonte: Business Insider

Leia o resto deste post »

https://www.colloquy.com/contentAsset/image/6e022efd-98dd-488e-9538-6602be5c0169/fileAsset/byInode/1/filter/Resize,Crop,Jpeg,/resize_w/766/resize_h/421/crop_w/766/crop_h/383/crop_x/0/crop_y/19/jpeg_q/80A falta de reclamação não quer dizer que está tudo bem – e ate 25% da receita pode estar em risco

Leia o resto deste post »

hash bird banner

Especialista acredita que nenhuma campanha precisa de uma hashtag. Confira abaixo suas razões

Maioria dos varejistas acredita que IoT afetará fortemente suas operações – só não têm ideia como Leia o resto deste post »

A recomendação do relatório é que as empresas comecem a se preparar isso – mas que comecem pequeno

Leia o resto deste post »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 48 outros seguidores