Mashable.com:

As autoridades chinesas estão recolhendo os iPads das prateleiras das lojas no nordeste da China porque a empresa Shenzhen Proview Technology alega ter a propriedade do nome “iPad.” A Apple receberá uma multa de 38 milhões de dólares por usar o nome “iPad” na China, de acordo com uma fonte da Proview. A Apple, em 2010, comprou os direitos da Proview Electronics, de Taiwan, mas esses direitos não se extendiam à China. A Proview registrou o nome “IPAD” na Europa, Mexico, China e outras partes da Asia, segundo o L.A. Times. E já ganhou da Apple uma ação de 1,6 bilhão de dólares, mas a Apple está apelando da decisão.

É ou não é irônico tudo isso? Leia a matéria completa, em inglês, e com video, aqui.