Adequação das marcas a esta nova lei será de extrema importância para empresas com marketing digital e criação de audiências como estratégia (antes de ler o resumo abaix do artigo de Marcus Denneberg, country manager da iGoal, uma sugestão: vamos conversar, pois estou envolvido em um projeto que vai interessar muito quem está preocupado com a implementação da nova lei)

Continue lendo »

As mudanças que ocorreram em 2018, em webinars que ainda estão disponíveis

O ano de 2018 foi intenso em novidades para quem atua com digital. Em maio, passou a vigorar a Regulação Geral de Proteção de Dados (General Data Protection Regulation – GDPR) na União Europeia, que afeta qualquer empresa que faz negócios com os países do grupo. Em agosto foi sancionada a Lei Geral de Proteção de Dados (LGDP) no Brasil. E tivemos o primeiro processo eleitoral no qual a publicidade digital paga foi regulamentada. Eis um conjunto de sete webinars que abordam esses e outros temas fundamentais para a publicidade digital e para quem deseja iniciar 2019 bem preparado para os desafios deste mercado:

Desmistificando o uso de dados na publicidade digital,

O que você precisa saber sobre GDPR (Regulamentação Geral de Proteção de Dados Europeia),

Nova Lei Geral de Proteção de Dados Brasileira (LGPD),

Modelos de atribuição e a jornada do consumidor,

O que é ads.txt e porque implementá-lo é do seu interesse

O Header Bidding nos publishers do Brasil,

Novas diretrizes para propaganda eleitoral na internet

Fonte: JornalDiadia

Aplicativos de mensagens são a próxima fronteira do B2B
O marketing experimentou grandes mudanças em 2018. Embora ferramentas como realidade aumentada, realidade virtual e até mesmo assistentes digitais de próxima geração tenham criado muito barulho, os profissionais de marketing estão descobrindo rapidamente que as plataformas mais “tradicionais” são as mais eficazes. As aplicações de mensagens tornaram-se um marco na comunicação diária de muitos consumidores – e a tendência não vai abrandar tão cedo. De fato, pesquisas preveem que cerca de 150 milhões de americanos usarão aplicativos de mensagens móveis até o final deste ano, e esse número só vai crescer – com mais da metade dos residentes dos EUA devendo usar um desses aplicativos até 2022. Enquanto os profissionais de marketing B2B preparam suas estratégias para 2019, os aplicativos de mensagens devem estar no topo de sua lista de prioridades – permitindo que eles criem fidelidade, gerem receita e aumentem sua base de clientes, diz Debbi Dougherty, diretora de marketing B2B da Rakuten Viber. Fonte: MartechAdvisor

O Google adiciona “pay for conversions” para anúncios da Rede Display
O Google anunciou a disponibilidade de lances baseados em conversões para campanhas da Rede de Display. Com as novas opções de lance, os anunciantes são cobrados quando os usuários convertem os anúncios em vez de cliques ou impressões de anúncios. De forma semelhante às campanhas de busca do Google, os anunciantes que desejam pagar por conversão definem um CPA desejado (custo por aquisição) na seção “Lances” das configurações da campanha. Em um exemplo de como o preço funciona, o Google publicou o seguinte: “Suponhamos que seu CPA desejado seja de US$ 10 e que você tenha realizado 30 conversões no fim de semana. Você pagará exatamente US$ 300, com um CPA real de US$ 10 ”. Pagar por conversões usa o mesmo algoritmo de lance que o pagamento baseado em clique. O Google diz que “você nunca pagará acima do custo alvo por ação”. O objetivo é gerar o máximo de conversões possível nesse limite de segmentação. Fonte: Marketing Land