Procon-SP lista 200 sites que devem ser evitados para compras na internet

Quarta-feira passada, 28, a Fundação Procon-SP divulgou uma lista atualizada com mais de 200 sites que devem ser evitados por quem faz compras pela internet. O órgão reuniu as páginas que receberam reclamações por irregularidades na prática de comércio eletrônico.As principais reclamações foram falta de entrega do produto adquirido e ausência de resposta das empresas quando o problema é abordado. O diretor executivo do Procon-SP, Arthur Goés, afirmou em nota que a impossibilidade de rastrear os fornecedores virtuais dificulta a solução dos problemas. Confira a lista no site do Procon-SP

O órgão de defesa do consumidor também preparou uma cartilha para orientar o consumidor na hora de fazer compras pela internet. Confira o Guia do Comércio Eletrônico

Email opt-in não se compra, se conquista Continue lendo »