Resultado de imagem para trump clintonNa página “Email for President” é possível visualizar as principais tendências que moldaram a eleição presidencial de 2016 nos Estados Unidos Continue lendo »

V Congresso exalta ícones da comunicação

Um dos momentos mais emocionantes do V Congresso da Indústria da Comunicação foi a entrega do prêmio Ícones da Comunicação, realizado pela Associação brasileira das Agências de Propaganda (Abap). A homenagem é prestada pela associação aos nomes que mais contribuem para o mercado no País. Este ano foram contemplados com o troféu Johnny Saad, presidente do Grupo Bandeirantes, Júlio Ribeiro, sócio-presidente da Talent, e Octávio Florisbal, diretor-geral da Rede Globo. DPZ e da ESPM também foram homenageadas. Leia a matéria completa, com vídeo, no Meio&Mensagem.

Mídia brasileira deve crescer R$ 10 bilhões a menos que o previsto Continue lendo »

Um dos maiores desafios das empresas nos dias atuais é administrar suas operações em tempo real através de múltiplos canais. “O fato é que os dados são armazenados em diversos ambientes, independentes entre si, com muitos pontos de interação, o que dificulta esse controle”, afirma José Carlos Sampaio, country manager da Vitria Brasil, empresa de inteligência operacional que desenvolveu Fluid M30, um programa que funciona como um Contact Center virtual e provê conteúdo de Inteligência Operacional, monitorando e coordenando transações, e integrando canais como SMS, chat, e-mail, redes sociais, portais, ou qualquer outra fonte de informação textual. Continue lendo »

IMS Marketing:

O Websense Security Labs™ descobriu que milhares de empresas e consumidores estão se colocando em risco todos os dias divulgando publicamente seus e-mails no Twitter.

Realizamos pesquisas para descobrir como os dados que podem ser considerados particulares são divulgados por meio do Twitter. A pesquisa se concentrou em dados compartilhados, especialmente endereços de e-mail, que podem ser usados contra a pessoa (ou empresa) que os compartilhou. Durante a pesquisa, acompanhamos o Twitter por 24 horas e descobrimos que os usuários estavam compartilhando publicamente endereços de e-mail ligados às suas caixas de entrada, identidades de mídia social e contas bancárias. Isso cria vulnerabilidades para ataques de “phishing social” e campanhas de spam.

O phishing social é um método adotado por hackers que atacam os e-mails coletados usando informações obtidas através do monitoramento das conversas dos usuários do Twitter.

“Os usuários do Twitter acreditam cegamente que seus endereços de e-mail são seguros para divulgarem público. Entretanto, ao revelar seu e-mail publicamente no Twitter, você associa esse endereço ao seu nome, localização e informações sobre seu grupo social. Os criminosos podem explorar essa riqueza de informações, implementando ataques direcionados de phishing contra pessoas ou empresas, se disfarçando como amigos ou colegas dos usuários, que são incentivados a clicar em links maliciosos. Para o criminoso, esse conjunto de dados também pode permitir a invasão de contas de e-mail, liberando o caminho para mais atividades maliciosas, incluindo acesso a contas bancárias, o roubo de outras senhas e lançamento de grandes campanhas de spam.  As empresas que usam as redes sociais para se comunicar com clientes devem considerar meios para garantir que os funcionários estejam protegidos contra essas novas ameaças. Os empregadores devem reavaliar suas políticas de uso aceitável para não incentivar a divulgação de endereços de e-mail através do Twitter por suas equipes ”, disse Carl Leonard, do Websense Security Labs.

Nossa pesquisa descobriu que milhares de endereços de e-mail são compartilhados publicamente todos os dias no Twitter.

* Mais de 11 mil endereços foram compartilhados no mundo todo

[Os dados da pesquisa foram obtidos em um período de 24 horas, em Janeiro de 2012]

Gmail, Hotmail e muitos outros provedores gratuitos de e-mail estão sob ameaça, por que os hackers conseguem obter informações sociais sobre as pessoas através do Twitter para depois invadir suas contas.

Sabemos que, às vezes, você precisa compartilhar seu endereço de e-mail. Aqui estão algumas dicas de segurança para evitar a possibilidade dos seus dados compartilhados serem usados contra você:

• Use mensagens diretas (DMs) para enviar endereços de e-mail aos contatos no Twitter

• Tenha cuidado com e-mails de amigos com links para outros sites

• Nunca use senhas que podem ser adivinhadas usando informações acessíveis ao público

• O e-mail é uma rota frequentemente usada pelos hackers para chegar a uma empresa, por esse motivo você deve se certificar que a segurança do seu e-mail inclui proteção de alto nível contra malware e ameaças modernas.

Fonte: BrandPress

O email não é um serviço muito utilizado pelas crianças e sua popularidade vai diminuindo à medida que vão se aproximando da adolescência. Nessa fase, eles usam o email apenas para se cadastrar nas redes sociais.

Quanto às próprias redes sociais, as preferidas são: Facebook, Orkut, Twitter, Formspring, YouTube,Tumblr, além do MSN  (serviço de mensagem instantânea).
A pesquisa foi realizada pela Viacom Networks Brasil, dona das marcas Nickelodeon, Vh1 e Comedy Central, e revela ainda que as crianças brasileiras têm contato com a Internet a partir dos seis anos, e para 91% dos entrevistados dessa faixa etária, a rede mundial de computadores representa diversão.
Leia mais…

Portal Exame:

O conceito de “blacklist” já é velho conhecido dos envolvidos em campanhas de e-mail marketing. Agora, um novo argumento, antônimo ao que bloqueia agentes que não respeitam as “boas práticas” do mercado, procura espaço no Brasil: a “whitelist”, que busca certificar os responsáveis pelo envio de mensagens, oferecendo vantagens que amplificam significativamente os resultados de uma estratégia nesse sentido.

Quem está trazendo o serviço ao País é a Return Path, empresa americana focada em soluções de entregabilidade. Atuando em parceria com provedores e administradores de e-mails, a operação analisa ações de e-mail marketing e revela pontos que podem classificá-la como spam.

Trabalhando com parceiros especializados no desenvolvimento dessas campanhas, ela indica quais quesitos devem ser adequados para que a mensagem cumpra todos os requisitos para não agredir o consumidor – o que a credencia para figurar na whitelist.

Leia mais…

E saiu ontem mesmo o anúncio do novo serviço do Facebook, um “modern messaging system,” nas palavras do CEO Mark Zuckerberg em um evento para a imprensa na manhã de ontem, 15, em San Francisco.

Zuckerberg disse que mais de 4 bilhões de mensagens são atualmente enviados diariamente através do Facebook. Ainda segundo ele, o Facebook acredita que um sistema modern de mensagens é ininterrupto, informal, imediato, pessoal, simples e mínimo. “Não é email”, enfatizou.

Um detalhe interessante: o Facebook está disponibilizando endereços de email facebook.com para todos os usuários. O sistema, no entanto, tem modelo baseado no chat.

O novo sistema é compost de 3 partes: sistema ininterrupto de mensagens, historic de conversações multiplataforma e caixa de entrada social, que é uma caixa de entrada que filtra as mensagens que você quer, organizada pelas pessoas que lhe interessam. É desenhada para destacar conversas com seus amigos reais e ser livre de spam. Segundo um post no blog do Facebook, “não há linhas de assunto, cópias, cópias ocultas e você pode enviar uma mensagem simplesmente clicando a tecla Enter”.

O sistema pode usar qualquer plataforma, ou seja, você pode enviar e receber mensagens via celular, mensagem instantânea ou FB. Foi desenhado para tornar mais simples a comunicação em tempo real com amigos reais, onde eles estejam. O uso deve crescer lentamente nos próximos meses pois será acessível inicialmente apenas por convite.

Vamos falar mais sobre isso ainda.

Fonte: Mashable.com