Resultado de imagem para coca-cola #happyhourBrand Logo Detection usa API para identificar logotipos de empresas em fotos publicadas nas redes sociais Continue lendo »

Juliana Paes é a musa do cybercrime

Pelo sexto ano consecutivo, a McAfee realiza a pesquisa na Internet sobre as pessoas mais famosas da cultura popular mundial para revelar os atletas, músicos, políticos, estrelas de Hollywood, estilistas e humoristas que são as celebridades mais perigosas da Web. O estudo global McAfee Most Dangerous CelebritiesTM (Pesquisa da McAfee sobre as Celebridades mais Perigosas da Internet) neste ano identificou que as mulheres apresentam maior risco que os homens. A atriz Emma Watson é a celebridade mais perigosa em pesquisas on-line em 2012; praticamente, um a cada oito links sobre Emma leva o internauta a um site mal-intencionado. No Brasil, Juliana Paes encabeça a lista – 14,48% de risco. Leia a matéria completa no Adnews.

Finalmente YouTube lança seu próprio aplicativo para iPhone Continue lendo »

No final deste mês, a YouDB vai realizar um evento sobre Marketing para Relacionamento, como eles dizem. Conversei com Marcio Oliveira, um dos diretores da agência sobre o que vamos discutir por lá.

FG – Como surgiu a ideia de fazer esse evento?

MO – Entendemos que o Marketing está passando por um momento de mudanças, um momento de evolução para alguns. Estamos vendo pequenos sinais disso principalmente em algumas propagandas e outros esforços. Mas, na nossa visão, esta evolução é, na verdade, uma volta às suas origens. Uma volta a alguns princípios básicos que nortearam e ainda norteiam muitas empresas desde a sua fundação. Uma busca ou entendimento sobre o que chamamos de DNA da empresa.  E, se a empresa quer descobrir ou redescobrir o seu DNA, então significa que ela deve também identificar e conhecer o DNA do seu cliente ou prospect. Apenas desta maneira ela conseguirá se Relacionar de fato e com efeito com todos os seus públicos. E para nós, é isso que vai nortear toda a estratégia de negócios e Marketing da empresa. Continue lendo »

E.Life publica estudo sobre hábitos e comportamentos dos internautas brasileiros.

Por exemplo: metade vê TV enquanto navega. Só essa informação vale milhões, considerando o planejamento de mídia das grandes marcas. Mas há mais, bem mais. 65,4% adquirem produtos pela Internet. O número de internautas que utilizam celulares e/ou smartphones para navegar na web subiu de 44,8% em 2011 para 56,2% em 2012. Já por meio do tablet, o acesso saltou de 5,6% no ano passado para 11,5% neste ano. Nas conexões por celulares e smartphones, os conteúdos mais acessados são as redes sociais e e-mail (por meio de aplicativos). E por aí vai. Quem quiser ler um bom resumo do estudo, leia a matéria que saiu no Adnews. (E quem quiser uma cópia do estudo, é só mandar o email, via comentário, que eu enviarei. Continue lendo »