O Departamento de Polícia de Nova York está acumulando um enorme banco de dados de DNA de milhares de perfis genéticos, informa o The New York Times. Amostras de DNA foram obtidas de condenados e até de pessoas que foram simplesmente interrogadas. Continue lendo »

Publicado no Facebook da Plano Digital:

Animated GIF of DNA strand becoming pixelated As empresas de testes genéticos que rastreiam a ascendência dos clientes estão acumulando enormes bancos de dados de informações de DNA, e algumas estão compartilhando o acesso com os agentes da lei, farmacêuticos e desenvolvedores de aplicativos, informou Kim Hart, do site Axios.

Continue lendo »

Você gostaria de trabalhar em uma empresa roqueira?

Imagine fazer parte de uma banda onde o Mick Jagger é o vocalista e você o cara que toca o bongô, escondido atrás do baterista. Na Empresa Roqueira é assim que a maioria dos executivos se sente. O CEO é a grande estrela e todos os resultados são atribuídos a ele, mesmo que obtidos pelo “tocador do bongô”. Extremamente vaidoso e de uma autoconfiança contagiante, ele até divide algumas responsabilidades com seus executivos, mas deixa sempre claro o espaço de cada um. Centralizador e senhor de todas as verdades, acha “natural” ser o único a merecer relevância, pois avalia que “sem ele, a empresa não anda”. O cara adora holofotes, microfones, câmeras, repórteres e qualquer outra coisa que o coloque em evidência. Continue lendo em A Zona de Desconforto

Novo Xbox pode funcionar sem conexão constante da web, diz site Continue lendo »

Hoje, às 17 horas, a Nasa anunciou aquilo que só pode ser descrito como uma autêntica revolução. Uma pesquisa financiada pela agência descobriu, em um local chamado Mono Lake, na Califórnia, uma bactéria que substitui o fósforo pelo arsênio nos componentes de suas células e isso muda a própria definição do que é e do que não é vida. Segundo Ed Weiler, o administrador assistente do Science Mission Directorate da NASA, os esforços pela busca de sinais de vida no sistema solar precisam ser repensados e os cientistas têm que “pensar mais amplamente, mais diversificadamente e considerar vida como não a conhecíamos”.

Até agora, carbono, hidrogênio, nitrogênio, oxigênio, fósforo e enxofre são os seis bloc0s básicos de construção de todas as formas de vida na Terra. O fósforo é parte da espinha dorsal química do DNA e do RNA, as estruturas que carregam as instruções genéticas para a vida e era, portanto, considerado um elemento essencial para todas as células vivas. Já o arsênio, que é quimicamente similar ao fósforo, é venenoso para a maioria da vida na terra. Esse elemento rompe os caminhos metabólicos porque se comporta de forma similar ao fosfato.

“Nós sabemos que alguns micróbios podem respirar arsênio, mas o que descobrimos é um micróbio fazendo algo novo — construindo partes de si mesmo com o arsênio”, disse Felisa Wolfe-Simon, uma astrobióloga da NASA que trabalha no U.S. Geological Survey em Menlo Park, Calif., e é a cientista-chefe na equipe de pesquisas.  “Se alguma coisa aqui na Terra pode fazer algo tão inesperado,  que outras coisas a vida pode fazer que não vimos antes?”

Para mais informações sobre o assunto, visite http://astrobiology.nasa.gov