Elon Musk pretende construir uma cidade em Marte. Falta só um pequeno detalhe

12/11/2019

Resultado de imagem para tamanho da starship muskMil naves espaciais

E a montagem de uma esquadra desse porte, convenhamos, erá um feito e tanto, considerando que a de Pedro Álvares Cabral tinha 13 embarcações, entre naus e caravelas.

Mas ambição é o que não falta ao Musk, certo?

Na quinta-feira passada, 7/11, em uma de suas conversas no Twitter, que já se tornaram marca registrada do CEO da SpaceX, Musk desvendou uma parte de seus planos extremamente ambiciosos para estabelecer um assentamento sustentável em Marte — uma visão que sua empresa espacial estabeleceu pela primeira vez há dois anos.

“Mil [naves do porte de sua Starship, que terá cerca de 56 metros de altura] serão necessárias para criar uma cidade sustentável em Marte, à medida que os planetas se alinham apenas uma vez a cada dois anos”, escreveu Musk.

Mars Base Alpha

Musk disse que, com aproximadamente 100 veículos, cada um carregando 100 toneladas, a SpaceX poderia transportar “10 milhões de toneladas de carga útil para orbitar por ano”.

Mesmo com a linha de montagem planetária instalada, a construção de uma cidade marciana levará algum tempo.

“Portanto, levará cerca de 20 anos para transferir um milhão de toneladas para o Mars Base Alpha, o que é suficiente para torná-lo sustentável”, acrescentou Musk.

Isso é significativamente mais do que a “capacidade global atual de carga útil em órbita” de cerca de “500 toneladas por ano, das quais [o foguete Falcon da SpaceX] é cerca de metade”, segundo outro tweet.

Um passo por vez? Não, estamos falando de Elon Musk

É uma grande visão. Na verdadeira moda de Musk, o CEO estabeleceu um cronograma ambicioso para começar a fazer viagens ao Planeta Vermelho. Se absolutamente tudo correr conforme o planejado, a empresa quer começar a enviar astronautas para a Lua em 2022 e Marte em 2024.

A SpaceX também terá que aperfeiçoar primeiro sua enorme nave, a Starship. Embora a SpaceX tenha dado alguns passos preliminares na construção de um protótipo maciço, um primeiro teste com tripulação ainda não foi agendado.

De qualquer forma, seria interessante Musk ler um pouco mais sobre as Grandes Navegações. E aprender sobre a taxa de mortalidade das expedições, por exemplo.

[Futurism]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: