Startup cria sistema que transforma varejos em bolsas de criptomoedas

26/12/2018

Resultado de imagem para pundi x

O preço do bitcoin caiu de novo? A volatilidade das criptomoedas tem assustado e afugentado muita gente. Mas não o pessoal das fintechs que continuam buscando pedras filosofais, soluções que tornem as bitcoin da vida mais comuns e confiáveis.

Uma dessas empresas é a Pundi X. Fundada em 2017 por Zac Cheah, Pitt Huang e Constantin Papadimitriou, que já dirigiam a Pundi-Pundi – um aplicativo de pagamentos tradicionais atuante no Sudeste Asiático – a fintech nasceu com o objetivo de oferecer um ecossistema que permite a compra, venda e pagamentos em criptomoedas, facilitando a forma como interagimos com a tecnologia.

Ela desenvolveu uma “maquininha” (POS) própria, chamada XPOS. Além de estar preparada para integrações com métodos tradicionais de pagamento, o XPOS permite que estabelecimentos aceitem criptomoedas como forma de pagamento, e automaticamente seja convertido para uma stablecoin. (Stablecoins, para quem não sabe, são criptomoedas que buscam minimizar a volatilidade das “tradicionais”, atrelando-se a uma moeda nacional, geralmente o dólar, ou uma “commodity”, como o ouro.) Dessa forma, o varejista pode passar a usar qualquer criptomoeda. A XPOS permite inclusive que o comerciante solicite o saque em Reais.

O dispositivo  permite que qualquer pessoa adquira criptomoedas — elas são imediatamente transferidas para a aplicação XWallet ou mesmo para o cartão XPass do usuário, este último, uma wallet física que, segundo a empresa, tem o objetivo de facilitar a adoção por pessoas que não são familiarizadas com a tecnologia. Em um cenário de adoção ideal do XPOS, bastaria ir ao barzinho ou à banca de jornal da esquina para adquirir Bitcoin ou Ethereum.

Outro detalhe importante: a XPOS não cobra taxas pela intermediação do serviço de pagamento, embora haja uma taxa na venda das criptomoedas. O dispositivo suporta  integração com aplicativos de inteligência de varejo, gerenciamento de estoque e pedidos, programas de fidelidade e marketing, pagamentos em cartões de crédito e débito, Apple Pay, Samsung Pay, e outras modalidades baseadas em NFC. Como o aparelho é baseado no Android 9.0, as possibilidades de atuação do XPOS não se limitam-às funções nativas de fábrica, oferecendo suporte a aplicativos descentralizados (dApps), o que cria uma vasta gama de opções no que diz respeito às suas funcionalidades, dependendo apenas dos desenvolvedores.

Saiba mais em https://www.criptomoedasfacil.com/startup-cria-sistema-que-transforma-qualquer-comercio-em-uma-exchange-de-bitcoin/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: