Samsung vai lançar um smartphone dobrável este ano

06/09/2018

Resultado de imagem para foldable samsung
Uma das preocupações é como tornar o produto, quando desdobrado, diferente de um tablet

A Samsung divulgará detalhes de um smartphone dobrável ainda este ano, disse Dj Koh, CEO de sua divisão de telefonia móvel à CNBC, em meio a rumores de que tal dispositivo estava em andamento. Koh disse que “chegou a hora de entregar” um dispositivo dobrável depois que as pesquisas realizadas pela Samsung mostraram que há um mercado para esse tipo de aparelho. Ele não disse como a tela dobrável deve funcionar, mas falou sobre o design do próximo smartphone, particularmente como a Samsung está tentando diferenciar a experiência de um tablet depois de desdobrado. Fonte:CNBC

Pesquisa: Facebook é o canal de marketing digital mais útil
Setenta e um por cento dos profissionais de marketing estão investindo pelo menos um quinto de seus orçamentos em digital, dois pontos acima de março, segundo pesquisa da RBC Capital Markets. Os entrevistados disseram que o Facebook é o canal de publicidade digital mais útil, seguido pelo Google, Twitter, Instagram e YouTube. Fonte: MediaPost SearchMarketingDaily
Correios relança o PRAECT – REFIS Postal
Foi relançado nesta quinta-feira-feira, 6/9, o Programa de Realização de Acordos da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Praect). Inspirado no REFIS, programa de parcelamento de tributos com o governo federal, e com base na Lei 9.469/97, o Praect permite a renegociação das dívidas de clientes (pessoas físicas ou jurídicas) contraídas com a empresa.Podem aderir ao programa aqueles que possuam dívidas já judicializadas com os Correios, cujos valores atualizados até o dia 6/4/2017 não ultrapassem cinco milhões de reais. Entre as vantagens do Praect, estão o abatimento de parte dos débitos e a possibilidade de parcelamento, com redução dos juros. Aqueles que optarem pelo pagamento da dívida em apenas uma vez terão o desconto de 90% dos juros de mora. O pagamento também poderá ser parcelado em até 60 vezes, com desconto de 50% nos juros, ou em até 120 vezes, com redução de 25%.

Os Correios são a primeira empresa pública a lançar um programa desse tipo. A primeira etapa, lançada em dezembro de 2017, recuperou apenas 1,15% do total das dívidas referentes aos 11 mil processos em andamento que somam quase R$ 1,2 bilhão. O devedor que não regulariza suas pendências administrativas é inserido no Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal (CADIN), o que gera consequências negativas e impeditivos junto a esferas de governo. No caso de empresas públicas ou prefeituras, elas deixam de receber repasse de verbas do governo federal. Já empresas fornecedoras ficam impedidas de participar de processos licitatórios. E tanto pessoas físicas quanto jurídicas não conseguem realizar empréstimo em bancos públicos. Fonte: Correios/Gerência de Comunicação Institucional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: