Correios e Receita Federal lançam novo modelo de importação

24/10/2017

 

Investimento em video digital vai a US$ 135 bi nos EUA. Leiam abaixo

Otimização do processo vai reduzir prazo de desembaraço aduaneiro, oferecendo comodidade e agilidade aos importadores

 

Será lançada, nesta quarta-feira, 25/10, a plataforma eletrônica Minhas Importações, ambiente online que irá viabilizar a implantação do Novo Modelo de Importação no Brasil e integrará ações entre os Correios e a Receita Federal, permitindo o pagamento de impostos e o desembaraço aduaneiro de forma mais simplificada. Com a otimização do processo, o prazo de desembaraço aduaneiro no Brasil também deve ser reduzido, oferecendo comodidade e agilidade aos importadores.
Com a plataforma, o correio do país de origem poderá enviar, via sistema, as informações do objeto para os Correios no Brasil, que irão disponibilizar os dados automaticamente para a Receita Federal e para os demais órgãos anuentes, como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Vigilância do Trânsito Agropecuário Internacional (Vigiagro). O cliente poderá acompanhar detalhadamente o processo de desembaraço da sua encomenda, interagir com os órgãos de controle, realizar o pagamento dos impostos e serviços pela internet, enviar documentos complementares e solicitar a revisão de tributos. Assim, todo o processo é realizado eletronicamente e os Correios podem, então, entregar a mercadoria diretamente no endereço do destinatário. O novo sistema será disponibilizado no site dos Correios e foi desenvolvido, ao longo de quatro anos, em parceria com a Receita Federal. O importador terá acesso às funcionalidades da área interativa após cadastrar-se pelo site www.correios.com.br, na opção Acesso ao idCorreios no canto superior direito da página. Fonte: Correios/Departamento de Relações Institucionais e Comunicação

Pesquisa: consumidores preocupados com segurança da Internet das Coisas

De alguns anos para cá, a internet incluiu em seu cardápio, além dos computadores aparelhos como lavadores de roupa e refrigeradores. Em outras palavras, estamos na era da Internet das Coisas. E o número desses dispositivos conectados deve explodir daqui para a frente. A Gartner estimou que este ano 8,38 bilhões de aparelhos conectados à internet estariam em uso este ano e 20,42 bilhões, em 2020, sendo que a maior parte está no segmento de consumo. Cresce também a preocupação com a segurança, principalmente devido aos recentes ataques de hackers. Uma pesquisa de julho, feita pela Irdeto, empresa voltada para segurança digital, revelou que 69% dos usuários de vários países — Brasil, China, Alemanha, India, Reino Unido e EUA — estão preocupados com a vulnerabilidade de seus dispositivos inteligentes. As preocupações são maiores no Brasil (88%) e na India (80%). Fonte: eMarketer
Investimento em vídeo digital nos EUA deve atingir US$ 135 bi este ano
De acordo com uma pesquisa recente da Magisto, o vídeo realmente está se tornando a ferramenta preferida dos anunciantes. Os dados indicam que, apenas nos EUA, o investimento nesse formato deverá chegar a 135 bilhões de dólares. O número leva em conta todo o ecossistema, incluindo produção, ferramentas, pessoas e mídias, e fica ainda mais impressionante quando comparado com o investimento em outros formatos de anúncios digitais — US$ 83 bilhões — e comerciais na TV — US$ 71 bilhões. O estudo credita essa preferência à influência das mídias sociais e à preferência dos millennials pelo vídeo. Fonte: Mobile Marketing Watch

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: