Você pode ajudar a deixar as viagens espaciais mais seguras. Saiba como

29/07/2017

NASA Robot Arm IllustrationNASA e Freelancer.com lançam três desafios mundiais de crowdsourcingFreelancer.com, maior mercado para freelancers e crowdsourcing do mundo pelo número total de usuários e projetos postados, e o Centro de Excelência para Inovação Colaborativa da NASA (CoECI), por meio do Torneio Lab da NASA (NTL), lançaram o último de uma série de desafios para o desenvolver novas soluções para exploração espacial. A NASA busca profissionais de qualquer lugar do mundo para três desafios:

  • criar um roteiro de uma animação que transmita, com precisão e para o público em geral, as experiências da NASA com a tecnologia de gerenciamento de inventário na Estação Espacial;

  • usar o conceito de dobraduras de origami para desenvolver uma capa com proteção contra radiação para o veículo de transferência de Marte;

  • desenvolver um emblema para o projeto NASA In Space Manufacturing Refabricator.

Veja mais em www.freelancer.com/contest/nasa/past

Empresa lança solução para barrar conflito de interesse nas organizações
A upLexis, empresa especializada em tecnologias para busca e estruturação de informações retiradas de grandes volumes de dados (big data), anunciou o lançamento de mais uma solução que auxilia a tomada de decisão das empresas. O upMatch foi desenvolvido a partir de demandas dos próprios clientes da upLexis, para cruzar CPF/CNPJs (fornecedores/empregados) de qualquer prestador de serviço e encontrar quaisquer relacionamentos entre eles apresentando ao tomador de decisão de maneira simplificada. O principal objetivo desta nova solução é barrar e até mesmo acabar com o problema de conflitos de interesse e benefícios a familiares nas corporações, buscando maior transparência e igualdade nos processos de escolha e contratação de fornecedores ou prestadores de serviços. “Todos os dias nos deparamos nos noticiários com problemas envolvendo empresas e familiares de políticos, empresários e empregados envolvidos em investigações ligadas a benefícios e conflitos de interesse nas corporações. Com o lançamento da nova solução, nossa intenção é ajudar a acabar com esse problema visto em diversos setores da economia, como o de saúde, construção civil, governo e outros segmentos que sofrem com essa situação”, explica Eduardo Tardelli, CEO da upLexis.

Pesquisa: executivos brasileiros estão mais engajados em segurança da informação
A Protiviti, consultoria global especializada em Gestão de Riscos e Compliance, realizou uma pesquisa para entender o nível de comprometimento das empresas em relação à segurança da informação. Foram ouvidas mais de 700 lideranças empresarias. Com o objetivo de verificar se os resultados no Brasil seriam similares aos obtidos nos EUA, a Protiviti no Brasil realizou a mesma pesquisa com executivos nacionais da área de tecnologia da informação. A comparação aponta que 41% dos executivos brasileiros estão engajados com as diretrizes de melhores práticas de cibersegurança em seus departamentos de TI e nos EUA, temos 33% dos executivos. Quando se trata de gestão de vulnerabilidades, 47% dos líderes nacionais tem envolvimento médio quanto à ciência e tratamento das mesmas, enquanto que os executivos americanos têm 37% de engajamento neste tema. Falando em tratamento de vulnerabilidades e riscos cibernéticos, 6% dos entrevistados brasileiros e 18% dos entrevistados estrangeiros dizem que não sabem lidar com eles. Em versão da pesquisa realizada em 2015, apenas 28% dos diretores americanos tinham noção dos perigos da falta da gestão na cibersegurança.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: