Fórum DMB Talks realiza evento sobre Data Intelligence

27/05/2017

Amazon abre primeira livraria em Nova York. Leia abaixo

Qual o plano de mídia ideal, quais as melhores plataformas de analytics do mercado, qual a melhor estratégia para atingir os KBRs e KPIs das campanhas…

Se você ainda não incluiu Data Intelligence no cardápio de metodologias à disposição do marketing de sua empresa, a hora é agora.O próximo Fórum DBM Talks vai reunir alguns dos mais preparados e experientes profissionais do mercado para discutir essa nova abordagem que reúne ferramentas como business performance, data mining, online analytics e event processing para alavancar negócios e melhorar o desempenho de campanhas de marketing digital. Na companhia de Andrea Dietrich, Christiano Ranoya, Fabiana Baraldi, Ricardo R. Junior e Diego Macedo, os participantes vão descobrir qual o plano de mídia ideal, quais as melhores plataformas de analytics do mercado, qual a melhor estratégia para atingir os KBRs e KPIs das campanhas, e muito mais. O evento será realizado no próximo dia 27/6, das 17 às 21:30 horas, na VTEX, Av. Brig. Faria Lima, 4.440, 15º andar. Realização da PS Carneiro Eventos e apoio da ABEMD, Abradi, Digitalks e Indico. Informações pelo telefone (11) 94785-3367 ou pelo email producao@pscarneiro.com.br

Facebook assinou com BuzzFeed, Vox e outros para obter vídeos originais 
O Facebook assinou acordo com Vox Media, BuzzFeed, ATTN, Group Nine Media e outros criadores de notícias e entretenimento voltados para as gerações mais jovens para que criem programas para seu futuro serviço de vídeo, que apresentará conteúdos curtos e longos com publicidade. A rede está planejando duas camadas de vídeos de entretenimento, de acordo com fontes: programas roteirizados com episódios de 20 a 30 minutos, que pertencerão a ela, e programas não roteirizados, com 5 a 10 minutos, que não pertencerão ao Facebook. Esse movimento para adquirir e licenciar conteúdo original é o mais recente de sua busca por atrair mais dólares que hoje vão para a TV e coloca a empresa disputando o mercado cabeça a cabeça com o YouTube Red, da Alphabet, o Discover, do Snapchat, e as redes tradicionais de TV. Fonte: Reuters
Amazon expande sua rede de livrarias e abre primeira loja em Nova York
A Amazon está levando sua abordagem experimental e orientada por dados do varejo físico para Midtown Manhattan, o coração da indústria de publicações. Nesta quinta-feira, 25/5, a gigante do comércio online de livros abriu uma loja — sua sétima — no Time Warner Center do Columbus Circle. O espaço de aproximadamente 400 metros quadrados fica perto de uma agora fechada loja da Borders, uma das maiores redes de livrarias dos EUA, e a poucos quarteirões da Penguin Random House  — além de não ser muito longe das sedes dea Simon & Schuster e da Hachette’s. Em mais alguns meses, a empresa deverá abrir outra loja da 34th Street. Críticos comentam a ironia contida no fato de que, após haver provocado o fim de muitas livrarias de tijolo-e-cimento, a Amazon esteja fincando sua bandeira bem no coração da indústria livreira dos EUA e mostrando que seu planos de uma constelação crescente de livrarias em todos os EUA são muito sérios. Fonte: The New York Times
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: