Programas de fidelidade estão testando novos usos

11/05/2017

Kellogg desde 2015, Huggies no ano passado e Starbucks desde a semana passada são as marcas que estão experimentando premiar outros produtos de suas lojasStarbucks, Kellogg e Huggies resolveram usar seus programas de fidelidade para estimular as compras de produtos de mercearia. Na semana passada, a Starbucks anunciou uma expansão do seu programa para incluir arbucks K-Cups Packs e bebidas prontas que são vendidas nas áreas de mercearia das cafeterias. A expansão mais do que triplica o número de produtos de mercearia elegíveis para “Stars” do Starbucks Rewards. Antes, apenas café tostado e moído, café instantâneo Via e refrescos instantâneos Via eram disponíveis. Estratégia semelhante foi adotada pela Kellogg em 2015. E a Huggies também fez isso no ano passado. Com a adesão da Starbucks, especialistas perguntam-se se mais marcas irão se juntar às três pioneiras. Fonte: RetailWire

IAB: maioria dos adultos nos EUA têm smartTV e aceitam ver comerciais

A presença de TVs com a capacidade de receber transmissões online nos lares norteamericanos deu um grande salto nos últimos dois anos — 56% dos adultos nos EUA têm uma smarTV (era um terço em 2015). É o que mostra o mais recente estudo do Interactive Advertising Bureau e da MARU Matchbox, “The Changing TV Experience”, feita com uma pesquisa online. O estudo também afirma que os espectadores estão aproveitando os recursos da transmissão online, com 54% do tempo usado para assistir esses conteúdos em vez de TV tradicional. A pesquisa descobriu que 50% dos proprietários de smarTVs preferem assistir comerciais a assinaturas sem anúncios — 44% acham que os comerciais de víedeo digital são menos invasivos do que os da TV tradicional. Fonte: TechCrunch
Principais usos de recursos para smart homes: automação 58%, segurança 57%, sonorização 34%
A Nielsen publicou um novo estudo sobre como os consumidores estão usando a tecnologia em seus lares. A pesquisa foi realizada com 5.900 adultos que estão interessados em casas e carros conectados, ou tecnologia vestível, a maioria homens (62%), com os maiores interessados situando-se na faixa entre 25 e 34 anos. Eis os principais usos da tecnologia nos lares: 58% — automação, 57% — segurança sem fio; 34% — equipamentos de som sem fio; 26% — eletrodomésticos conectados; 20% — assistentes inteligentes; 7% — outros. Fonte: MediaPost IoT Daily
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: