Parceria Correios/Serasa permite consulta a CPFs/CNPJs em agências postais

15/03/2017

Facebook proíbe uso de seus dados para vigilância. Confira abaixo

A partir da quarta, 15/3, estará disponível nas agências centrais de Brasília e São Paulo; até 31/3, estará em todas as agências própriasFomentar negócios seguros e saudáveis para todos os cidadãos é o principal objetivo da parceria assinada na tarde dessa segunda-feira (13), em São Paulo, entre Correios e Serasa Experian. O serviço de consulta a CPF, a CPF de terceiros e a empresas começa a funcionar já nesta quarta-feira (15), a princípio, na Agência Central dos Correios em Brasília (DF) e na Agência de Correios Cidade de São Paulo, localizada na capital paulista, mas até o dia 31 de março estará disponível nas 6.400 agências próprias espalhadas pelo Brasil. Nas unidades franqueadas, o serviço será implantado em uma segunda etapa, prevista ainda até o final deste ano. “Esperamos, com mais este serviço, alavancar a receita da empresa em pelo menos mais de R$ 3 milhões só este ano”, disse o presidente dos Correios, Guilherme Campos. “A importância dessa parceria com os Correios está, principalmente, na capilaridade da empresa, presente em todos os municípios do país. O nosso foco principal é facilitar a vida do cidadão que mora no interior e também nas capitais, subsidiando-o com informações para ajudá-lo a tomar decisões importantes para transações comerciais. Agora, com essa parceria, em qualquer agência dos Correios o cidadão terá acesso aos serviços de consulta ao CPF e CNPJ com a finalidade de apoiar a realização de negócios”, explicou a vice-presidente Comercial da Serasa Experian, Manzar Feres.
Além da comodidade de mais um meio de consulta para verificar a situação do próprio CPF, a fim de identificar a existência de dívidas, os cidadãos também terão acesso aos seguintes produtos:
– Você Consulta Pessoas – VCP: para verificar a situação do CPF de alguém com quem você queira fazer negócios, como na hora de comprar um carro, vender uma casa ou mesmo contratar o serviço de pedreiro, por exemplo.
– Você Consulta Empresas – VCE: para verificar a situação do CNPJ de uma empresa com quem você queira realizar um negócio, por exemplo: empresas de realização de eventos (formaturas, casamento e outros).
A disponibilização do serviço em todas as agências dos Correios é uma das metas definidas para o atingimento dos objetivos estratégicos de consolidar as agências como um espaço de multisserviços, fortalecendo a cidadania e ampliando o faturamento do segmento financeiro. Fonte: Correios/Dep.de Relações Institucionais e Comunicação

Facebook reafirma sua política de proibir seus dados para vigilância 

O Facebook anunciou nesta segunda, 13/3, mudanças nas políticas da plataforma que proíbe os desenvolvedores de usar os dados da empresa com objetivos de vigilância. As mudanças incluem linguagem mais clara. “Nossa meta é tornar nossas políticas explícitas”, afirmou a empresa em um post no seu blog. As mudanças são válidas também para o Instagram. No post, a rede social aludiu a incidentes recentes nos quais a empresa teve que tomar ações duras contra desenvolvedores com acesso aos dados, como por exemplo a Geofeedia que tinha acesso a dados do Facebook, Twitter e Instagram e cuja ferramenta foi usada pela polícia para monitorar protestos em Baltimore. Fonte: The Verge

HubSpot e Brightcove unem forças para entregar análises individualizadas de vídeo 

A HubSpot, empresa de inbound marketing e software de vendas, e a Brightcove, fornecedoras de soluções de vídeo na nuvem, anunciaram uma parceria que ajudará os clientes de ambas as empresas a realizar análises mais segmentadas. “As pessoas querem vídeo em todos os lugares”, disse Paul Casinelli, senior director of product marketing, da Brightcove, “é como elas se comunicam hoje.” Os anunciantes não conseguem insights mais profundos sobre como as pessoas se envolvem com conteúdo de geração de leads, argumentou Casinelli. Com whitepapers, por exemplo, os anunciantes podem saber quem baixou os documentos assim como o endereço de email e o cargo do prospect. No entanto, não têm uma visão clara do quanto foi lido ou com que assuntos o prospect se envolveu mais. Um gap semelhante existe com vídeo. Embora se possa agregar métricas — como o número total de videos assistidos ou o percentual geral visto  — muitos desses dados não passam de “métricas da vaidade”, segundo Casinelli. A aliança HubSpot-Brightcove pretende alterar esse cenário. Quando o cliente potencial preenche um formulário customizado para assistir ao vídeo, HubSpot e Brightcove podem capturar quem aquela pessoa é, e rastrear seus hábitos individuais de consumo — incluindo qual video player ele usou para assistir o video, quanto do video ele realmente consumiu, e em torno de que tópicas ele pareceu gravitar mais. Ligando esses dados comportamentais a uma pessoa específica, disse Casinelli, pode ajudar os anunciantes em relação a “lead scoring” e automação de marketing. Por exemplo, pode-se rastrear se um prospect assistiu um video tempo suficiente para ver um demo de um produto em particular ou um call-to-action,e fazer o devido follow up. Ou então pode-se estabelecer “lead scores”, baseados no percentual de video consumido, e informar melhor a fora de vendas sobre que assuntos interessam mais aos leads. Fonte: Direct Marketing News
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: