O iPhone completou 10 anos; o que vem por aí?

10/01/2017

Resultado de imagem para original iphone steve jobs

Steve Jobs apresenta o iPhone original na MacWorld 2007

2,35 bilhões de pessoas, mais da metade dos usuários de celulares no mundo, usarão regularmente um smartphone este ano

Dez anos atrás, Steve Jobs subiu no palco e apresentou o primeiro iPhone, o catalisador da domínio mundial dos smartphones. Dez anos — e 14 modelos — depois, o iPhone tornou-se essencialmente uma “commodity”. A chegada do iPhone 8 pode mudar isso? Muito mudou desde que aquele primeiro smartphone da Apple, com sua tela de 3,5 polegadas e câmera de 2 megapixels, apareceu no mercado. em 2007, quem correu para comprar o novo dispositivo estava interessado primariamente em dar telefones, ouvir musica e enviar mensagens de texto, de acordo com pesquisa da Harris Interactive. Mas isso mudou — e o aparelho foi ficando cada vez mais inteligente. O mercado também mudou: é muito mais competitivo agora. A tal ponto que alguns dos recursos do iPhone 8 já são encontrados em celulares Samsung. O fato é que, segundo analistas, 2017 não será apenas um ano importante para a Apple mas também para os smartphones. Este ano, segundo estimativas da eMarketer, cerca de 2,35 bilhões de pessoas, mais da metade dos usuários de celulares no mundo, usarão regularmente um smartphone. Fonte: eMarketer
Uber agora compatilha dados para ajudar todo mundo a dirigir melhor
Neste domingo, 8/1, a empresa sediada em San Francisco compartilhou um verdadeiro tesouro de dados sobre transporte que devem ajudar os gestores públicos de cidades dos EUA a reduzir o tempo que os cidadãos perdem em ônibus e metrôs, e também a melhorar o tráfego. Os dados estão em um website chamado “Uber Movement” e seu lançamento está sendo considerado uma oferta de trégua principalmente em relação a Nova York, que estava em litígio aberto com a empresa: a cidade queria ser capaz de determinar se os motoristas estavam trabalhando muitas horas enquanto a Uber diz que isso viola a privacidade dos passageiros. Isso também está ocorrendo com outras cidades e o Uber Movement demonstra boa vontade da empresa para resolver as questões, comentou Linda Bailey, diretora executiva da National Association of City Transportation Officials, que está trabalhando para estabelecer um padrão de compartilhamento de dados para cidades onde as empresas de compartilhamento de corridas operam. Fonte: The Washington Post
Google adquire Limes Audio, empresa de processamento de sinais de áudio
Na quinta 5/1, a gigante de buscas (cada vez mais entre outras coisas) anunciou a aquisição da Limes Audio, que desenvolve tecnologia para fazer os sistemas de comunicação por voz soarem melhor. A ideia é que possamos ouvir melhor a pessoa com quem estamos falando — e vice-versa, Segundo Serge Lachapelle, diretor de gerenciamento de produtos da Google Cloud, “à medida em que um número crescente de empresas estão adotando as soluções de videoconferência suportadas por Chromebox for Meetings e Google Hangouts, oferecer uma fantástica experiência de áudio é crítico”. As salas de conferência atuais vêm em todos os formatos e tamanhos, o que pode representar um desafio acústico considerável. Além disso, uma conexão à Internet de má qualidade pode prejudicar ainda mais a qualidade de áudio em videoconferências. “Com os clientes da G Suite confiando agora em comunicações via vídeo para suas reuniões diárias”, comentou Lachapelle, “é mais importante do que nunca garantir áudio de baixo custo e alta qualidade”. Fonte: The Keyword

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: