Pequenos ecommerces projetam alta de 84% durante o Black Friday

29/10/2016

Faturamento na Black FridayCrescimento deve ocorrer por causa da ampliação de produtos e serviços oferecidos
De acordo com balanço feito pela Loja Integrada, plataforma gratuita de criação de lojas virtuais, na Black Friday desse ano, o faturamento dos pequenos lojistas do e-commerce deve aumentar 84% se comparado ao mesmo período de 2015, que registrou quase R$ 20 milhões em vendas, mais que o triplo do valor arrecadado em janeiro do mesmo ano. Para Adriano Caetano, especialista em comércio eletrônico e diretor da Loja Integrada, esse crescimento ano a ano da Black Friday se deve à ampliação de produtos e serviços oferecidos. “Antes, a Black Friday era conhecida mais por promoções de eletroeletrônicos, mas hoje todas as lojas virtuais participam e é possível encontrar de tudo. Tem de brinquedos a bebidas artesanais e até mesmo plantas”, conta. Fonte: Giro News

Mala direta é solução de baixo custo para envio de brindes e amostras
As festividades de fim de ano são um momento propício não apenas para fidelizar clientes, mas também para prospectar novos. Entre as formas de dar visibilidade às marcas está o envio de brindes e amostras e, para atender a essa necessidade, os Correios dispõem de uma solução econômica e rápida: a mala direta. Para clientes que possuem contrato, a estatal oferece ainda condições especiais de preço de acordo com o volume de postagem, acompanhamento online da distribuição da mala direta, além de prazos diferenciados de entrega para envio na modalidade mala direta especial. O serviço pode ser pago também à vista ou com parcelamento no cartão de crédito, podendo ser contratado em qualquer agência dos Correios.
Cases de sucesso – Empresas como Mary Kay, Banco Itaú, P&G e 3M já usam as soluções dos Correios. O Banco Itaú, por exemplo, executa o projeto institucional “Leia para uma criança”. Adquira aqui mais informações sobre o serviço de mala direta. Fonte: Gerência de Marketing Postal e Vendas/Correios

Snapchat chega oficialmente ao Brasil
O Snapchat se reuniu na semana passada, dia 20 de outubro, com agências e anunciantes em São Paulo para revelar os formatos de mídia que vai comercializar no Brasil. O aplicativo será representado pela Internet Media Services (IMS), multinacional que também gere soluções comerciais de Apple, Twitter, Waze, LinkedIn, Foursquare e outras grandes ad techs na América Latina. Os formatos disponibilizados serão o Geofilters e o Snap Ads, modelos já comercializados pela plataforma nos Estados Unidos. Nos filtros geolocalizados, a marca tem a oportunidade de criar máscaras que envolvam grandes eventos, datas comemorativas ou temas regionais. Já os Snaps Ads são pequenos snaps, de até dez segundos, que aparecem para os usuários entre uma história e outra no feed. De acordo com o Snapchat em sua experiência no exterior, 78% dos anúncios veiculados são visualizados pelos usuários. A plataforma reforçou que seu público possui alto índice de engajamento, 6,7%, e maior índice de intenção de compra. Fonte: Meio&Mensagem

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: