Waze dá aos usuários controle dos anúncios de suas marcas favoritas

28/09/2016

In this March 15, 2012 photo, Ben Gleitzman waves his hand over a traffic and navigation app called Waze on his Apple iPhone in a Menlo Park, Calif.Eles poderão dizer quais marcas querem que apareça em mapas e outros recursos

O Waze está experimentando novas formas de levar seus milhões de usuários para as lojas dos seus anunciantes. O aplicativo de navegação agora deixa que eles marquem determinadas marcas como favoritas.Dessa forma, elas aparecerão com destaque no mapa e em outros recursos, como a sincronização de calendários e limites de velocidade. As marcas podem usar esse acesso para personalizar promoções com base nas lojas que visitaram e usar informações de localização para dirigir melhor os anúncios. A Donkin’ Donuts foi a primeira marca a fazer uma compra desses anúncios nativos. Fonte: Mashable
Por que o McDonald’s vai criar 5.000 peças de marketing de conteudo neste ano

O McDonald’s está decidida a revitalizar seu marketing, usando digital como ponto de partida. Entre as medidas, está revisando suas agências e planeja dobrar a quantidade de conteúdo que vai publicar até o final do ano. As informações foram fornecidas pela diretora de marketing global da empresa, Deborah Wahl, durante o IAB Mixx Conference. Ela referiu-se especificamente ao trabalho da marca nas redes Twitter, Snapchat e YouTube como exemplos de trabalhos digitais bem sucedidos. “Nos últimos dois anos, criamos aproximadamente 2.500 peças de marketing de conteúdo por ano”, disse ela. “Neste ano, criaremos cerca de 5.000 peças de marketing de conteúdo — o desafio éque, além de mais peças, queremos que sejam mais valiosas para nossos clientes.” Para o Snapchat, o McDonald’s usou geofiltros em todos os 14 mil restaurantes da marca, com uma imagem de batatas fritas que os usuários podiam adicionar aos seus “snaps”.Wahl disse que os geofiltros foram usados 12 milhões de vezes e geraram 308 milhões de views desde seu lançamento no ano passado. Fonte: Adweek
Pesquisa sobre anúncios em vídeo no Facebook aponta o que funciona melhor
O Facebook é a rede social mais usada em todo o mundo e uma das maneiras de garantir a atenção de sua enorme audiência é com anúncios em vídeo. Mas como ter certeza de que o seu anúncio em vídeo será realmente eficaz? Para ajudar a entender o que torna eficaz um anúncio em vídeo para o Facebook, a Buzztala avaliou 232 conjuntos de anúncio de 12 campanhas sociais publicados no Facebook entre 1 de janeiro e 31 de maio de 2016. Foram analisados dois cenários. O primeiro comparava as taxas de clickthrough e view-thru em função da presença ou não de um apresentador nos vídeos. E o segundo comparava as mesmas métricas em função da duração dos vídeos. No primeiro cenário, a presença de um apresentador representou uma diferença de 72% nas taxas de clickthrough (12.41% vs 7.21%) e 8% nas taxas de view-thru (84% vs 78%). Para o segundo cenário, Jay DeDapper, CEO da Buzztala, explicou que, em relação aos vídeo serem vistos por inteiro, “com o tempo, descobrimos que 25 segundos é o ponto de inflexão”. Os vídeos abaixo de 25″ foram 10% superiores em relação às taxas de clickthrough (12.69% vs 11.57%) e 2% em relação às taxas de view-thru (84.67% vs 83%).
View Chart Online
Performance Based on Video Duration

View Chart Online

 Fonte: MarketingSherpa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: