Sua presença digital pessoal pode ajudar – e muito! – a marca corporativa de sua empresa

26/03/2016

Sua presença digital pessoal pode ajudar – e muito! – a marca corporativa de sua empresaDefinitivamente, não acredito em coincidências. Há forças em ação – forças naturais,  quero dizer – que não entendemos, mas que vêm à tona impulsionadas por algum vetor que disparamos geralmente de forma não intencional. É a tal da “sincronicidade”, como chamou o Jung (e que é um belo nome para forrar o seu, o nosso desconhecimento de como atuam as tais forças).

Essa digressão inicial vem a propósito de uma aula que dei na terça desta semana, como parte do Curso de Especialização da Abemd. O tema: presença digital. E eis que hoje, plena Sexta-feira da Paixão, me deparo com um artigo que ilustra de forma bem interessante algo que discutimos na aula.

A “discussão”, se posso chamar assim, ocorreu no aquecimento da aula, quando ainda tentava sentir a temperatura da turma (muito boa, por sinal) e perguntei quem entre os presentes tinha a responsabilidade de cuidar da presença digital de suas empresas. Ninguém habilitou-se. Eu falei então que, de certa forma, todos tinham essa responsabilidade – principalmente os gestores. Levantei alguns exemplos e fomos em frente. Pelo menos, eu fui em frente, e talvez só voltasse a elabora o tema quando na próxima turma do Curso.

Mas a tal sincronicidade não deixa a gente se acomodar tão facilmente. E me joga na cara o tal artigo, escrito por Bob Cargill, diretor de mídias sociais da Overdrive Interactive, e publicado no site ClickZ.

Segundo ele, ninguém pode ignorar mais que há inúmeros benefícios no fato de ter uma forte marca pessoal nas mídias pessoais. Um exemplo claro disso é o LinkedIn. Nosso perfil nessa rede social é o destino de praticamente todo mundo que esteja considerando fazer negócio conosco. Publicar no SlideShare é outro exemplo de como conteúdos podem demonstrar nosso background, nossas habilidades, nosso talento e nossa expertise.

Mas o Bob faz questão de chamar a atenção para o fato de que os benefícios de uma marca pessoal turbinada não estão limitados ao proprietário dessa marca. Todo mundo em torno desses “corporate all-stars” também sai ganhando, inclusive a empresa para quem esse profissional trabalha.

E ele exemplifica com 10 benefícios que a reputação online de um executivo acarreta para a corporação.

Continue lendo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: