Pesquisas: web móvel avança, lentamente mas avança, entre PMEs. E mais

23/09/2015

Apenas uma em cada três pequenas ou médias empresas tem um site otimizado para dispositivos móveis

de acordo com pesquisa realizada este mês pela RBC Capital Markets, 64% das pequenas e médias empresas dos EUA têm um website profissional – e outros 10% planejam criar um. Entretanto, apenas 33% desses sites são otimizados para mobile. O estudo permite concluir que manter uma presença digital pode ser um desafio para essas empresas – eles não costumam ser atualizados frequentemente. E mobile parece ser um desafio ainda maior. Uma pesquisa da Capital One Spark Business, de abril de 2015, por exemplo, descobriu que apesar dos pequenos empresários estarem ansiosos para usar o canal apenas 6% investiram em mobile marketing. Outra pesquisa, da Endurance International Group, de março de 2015, descobriu que eles consideram mobile importante para aumentar vendas e permanecer competitivo, mas ainda têm muito caminho pela frente quando se trata de implementar efetivamente soluções mobile. Metade dos entrevistados não têm nenhuma presença móvel e, entre aqueles que têm, tempo e recursos são os principais desafios. Fonte: eMarketer

 

App móvel para fazer pedidos no Starbucks invade os EUA

Nos últimos meses, o Starbucks veio expandido gradualmente a possibilidade dos consumidores pedirem bebidas ou comida com o seu aplicativo para smartphones. Ao fazer o pedido, o consumidor receber uma estimativa de quando o pedido fica pronto A principal vantagem: evitar as enormes filas pelas manhãs. Nesta terça, 22/9, finalmente, a rede anunciou que o recurso está disponível em todas as lojas dos EUA. Segundo a Starbucks, o teste em Portland e outras cidades americanas alcançou bastante sucesso e ela acredita que o mesmo vai acontecer inclusive em grandes mercados como Nova York e San Francisco. Fonte: The Verge

Google transforma Wallet em serviço de pagamentos “peer-to-peer” – e lança versão para iOS

No início deste mês, o Google lançou o Android Pay em um movimento que transformou o antigo app Wallet em um serviço de pagamentos “peer-to-peer”, arquitetura de rede que permite compartilhamento de serviços e dados sem necessidade de um servidor central. O passo seguinte foi dado nesta terça, 22/9, com seu novo Google Wallet For iOS. O app foi completamente reconstruído com o foco “peer-to-peer”, com o objetivo de fazer frente a uma concorrência – PayPal me, Square Cash, Facebook e até mesmo Snapchat – cada vez mais acirrada. Uma das características mais interessantes do serviço do Google é que ele permite enviar dinheiro para qualquer pessoa nos EUA usando apenas um endereço de email – o destinatário não precisa sequer ter ou usar o serviço Wallet em si. Fonte: TechCrunch

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: