Timing é fundamental nos esforços de marketing digital de instituições financeiras. E outras notícias

31/08/2015

mobileO fator tempo é cada vez mais importante, dizem especialistas: “os bancos precisam estar na frente dos clientes quando são mais relevantes”

Formatos de mídia digital desempenham um papel cada vez maior nas decisões dos clientes das instituições financeiras, mostram estudos recentes, e isso exige que os profissionais de marketing de bancos e outras empresas do setor prestem uma atenção especial ao fator tempo – incluindo quando você deve atingir os consumidores e a quão rápido a informação é passada para eles. “Precisamos garantir que estamos agregando valor às vidas dos nossos clientes e que eles estão se envolvendo com nossa marca, seja através de uma calculadora de planos de aposentadoria, ou um infográfico sobre o que alguém que quer comprar seu primeiro imóvel deve esperar”, afirma Josh Rede, diretor de marketing digital da Central Bancompany. Bryan Clagett, CMO do Geezeo, um programa de gerenciamento financeiro pessoal, também concorda que o tempo se transformou em um bem de primeira necessidade. “Os bancos precisam estar lá quando são mais relevantes”, afirma ele. “Quando os clients estão conferindo seus saldos e analisando as contas a pagar e os extratos. [além disso] eles estão usando múltiplos canais, não apenas para transações mas também para pesquisa e para abrir novas contas.” Fonte: ABA Banking Journal

Volume de anúncios em vídeo aumenta dramaticamente no Brasil

Vídeo é um dos formatos de publicidade que crescem mais rapidamente em todo o mundo. Inclusive no Brasil. De acordo com dados da TubeMogul, no segundo trimestre de 2015, sua plataforma serviu diariamente em desktops 224,1 milhões de impressões de anúncios de vídeo pré-roll – no primeiro trimestre, foram 173,9 milhões. O aumento, em relação ao mesmo período no ano anterior, foi de incríveis 1.131,2%. O aumento de impressões de vídeos móveis na comparação dos mesmos períodos também foi grande: 529,8%. Outro estudo, da Doubleclick, mostrou que o Brasil está entre os países com mais altas taxas de visualização completa dos vídeos: 89,9% – atrás apenas da Suécia, 82,3%, e da Nova Zelândia, 81,5%. Fonte: eMarketer

 

Novo leitor de cartões leva Apple Pay para pequenos negócios

Há uma lacuna nas fileiras de negócios que aceitam o Apple Pay: pequenos varejos como food trucks e cafeterias locais que não têm o capital necessário para investir em terminais que possibilitam os pagamentos móveis. Mas isso já está sendo corrigido. Uma parceria entre a Apple e a North American Bancard promote levar as transações móveis aos negócios voltados para as vizinhanças. A partir de setembro, a Apple começar a vender uma versão atualizada do leitor de cartões PayAnywhere, que conecta iPhones e iPads para permitir que sejam aceitos pagamentos com Apple Pay e também com outras carteiras móveis que usam tecnologias NFC. Os sistemas concorrentes também estão de olho nesse mercado: tanto o Android Pay como o Samsung Pay chegam brevemente ao mercado (esse último deve pousar no mercado americano em 28 de setembro). Fonte: PCWorld

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: