Vendas de computação vestível devem disparar neste final de ano. E mais

08/11/2014

A Futuresource prevê que um total de 52 milhões de dispositivos vestíveis serão vendidos em 2014, 39% a mais que 2013. E, em 2015, o crescimento continua: estima-se que as vendas anuais dos “wearables” crescerão 44% em 2015, atingindo um total de 74 milhões de unidades. “Estimamos que esses dispositivos – principalmente relógios conectados – experimentem um crescimento extremamente forte ao longo do período de previsão, atingindo 83 milhões de embarques até 2018″, disse Oliver Rowntreem, analista de mercado da Futuresource. Fonte: MobileMarketing (via Portal Abemd)

Amazon está testando táxis para entrega de compras

A Amazon está testando a entrega de pacotes através de táxis em San Francisco e Los Angeles. E, para isso, usa o aplicativo Flywheel. Esta é a mais recente experiência da Amazon para buscar alternativas aos serviços tradicionais – UPS, FedEx e o Serviço Postal dos EUA – após os atrasos ocorridos no Natal do ano passado. A empresa testou também o seu próprio serviço de entrega, ampliou o uso de correios regionais, em parceria com o Serviço Postal para entregar mantimentos frescos e deve abrir uma loja de Manhattan para devoluções e retiradas no mesmo dia da expedição. A Amazon também está desenvolvendo drones aéreos para as entregas. Sucharita Mulpuru, analista da Forrester, disse que a Amazon pode estar desenvolvendo um “algoritmo de entrega no mesmo dia”, software desenhado para avaliar uma variedade de serviços de entrega a qualquer momento, e decidir com base naquele que é mais rápido e barato. Fonte: WallStreetJournal/Tech  (via Portal Abemd)

Dividend Miles, da US Airways, vai fazer parte do AAdvantage, da American Airlines

A American Airlines anunciou que vai levar o programa Dividend Miles da US Airways para dentro do seu próprio programa de milhagem, o AAdvantage, no segundo trimestre de 2015. Como parte da fusão, os participantes dos quatro níveis do programa atual da US Airways serão transferidos em 2016 para os três níveis do AAdvantage, considerando a soma dos voos da American e da US Airways.  Será necessário ter voado 25.000 milhas ou 30 segmentos para adquirir o status Gold e 50.000 milhas ou 60 segmentos para o status Platinum. Já o nível mais alto, Platinum Executivo, vai exigir 100.000 milhas ou 120 segmentos, em vez dos atuais 100. A American Airlines irá criar automaticamente uma conta AAdvantage para os participantes do Dividend Miles que ainda não têm um, e os saldos serão transferidos automaticamente para a nova conta.  Fonte: Colloquy  (via Portal Abemd)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: