Publicadas recomendações finais sobre HTML5, IBM e Twitter juntos, e mais

01/11/2014

W3C publica recomendações finais sobre HTML5

Depois de quase oito anos de trabalho, o World Wide Web Consortium (W3C) finalizou o padrão HTML5, estabelecendo a tecnologia básica Web com firmeza na era dos dispositivos móveis e aplicações para Internet orientadas à nuvem. “O HTML5 define a próxima geração da Web”, disse Jeff Jaffe, CEO do W3C. “Não faz muito tempo que navegar na Web significava visitar documentos estáticos. A web de hoje é uma plataforma muito mais rica”.  Embora os desenvolvedores Web e móveis já utilizem partes da especificação HTML5 há vários anos, a especificação acabada – o que o W3C chama de recomendação, com 1.370 páginas, e que pode ser acessada em www.w3.org/TR/2014/REC-html5-20141028/ – garante aos desenvolvedores que o código que desenvolvem para a Web vai funcionar perfeitamente daqui para frente. Fonte: Computerworld

IBM e Twitter juntaram-se para extrair dados de tweets

International Business Machines Corp. e Twitter Inc. anunciaram uma aliança de longo alcance com o objetivo de utilizar os dados do serviço de microblogging para resolver problemas de negócios. O acordo destina-se a reunir os softwares de análise da IBM e sua grande equipe de consultores com os enormes volumes de informação que o Twitter gera. A IBM terá acesso ao fluxo de público total de tweets como eles são postados, bem como todos os tweets gerados desde que o Twitter foi fundado em 2006. Os dados serão compartilhados com cerca de 10.000 consultores da IBM para ajudar a resolver os problemas dos clientes. As duas empresas planejam trabalhar juntas para desenvolver novas aplicações e serviços baseados nas informações. Elas disseram que iriam permitir que outros desenvolvedores integrem os dados do Twitter em novos serviços de nuvem, construídos com ferramentas da IBM. As duas empresas também planejam conjuntamente desenvolver ofertas para indústrias específicas, tais como bancos, varejo, viagens, transporte e produtos de consumo. O negócio é o segundo grande acordo da IBM este ano com um grande nome no Vale do Silício. A IBM e a Apple anunciaram em julho um acordo para criar aplicativos de negócios e vender iPhones e iPads para clientes corporativos da IBM. Fonte: WallStreetJournal

Estudo indica de onde virão os investimentos em publicidade móvel no próximo ano

Os anunciantes estão trazendo os investimentos publicitários para mobile, a fim de conduzir o envolvimento do cliente, atingir os consumidores em todas as plataformas, criar conscientização de marca e impulsionar as vendas de varejo online e offline, de acordo com um estudo de julho de 2014 pela Advertiser Perceptions. Mas de onde eles estão saindo? Basicamente, de mídia impressa, TV e digital display. Mais de 40% dos decisores de publicidade dos Estados Unidos que planejavam aumentar os gastos com publicidade móvel ao longo dos próximos 12 meses, disseram estar tirando dinheiro do seu orçamento de publicidade de mídia impressa, enquanto 34% disseram o mesmo sobre TV. Até mesmo anúncios digitais não estão seguros. Quase um terço dos entrevistados disse que iriam reduzir os investimentos em publicidade display digital, a fim de gastar mais no celular. 38% dos entrevistados planejam financiar maiores gastos em mobile com uma expansão global de seus orçamentos.  Fonte: eMarketer

Notas publicadas originalmente no Portal Abemd. Visite-o para outras notícias do mercado de marketing direto/diálogo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: