3 coisas que podemos aprender com o LinkedIn

12/10/2014

Por Alex Pirouz

Toda empresa é definida por ela. Muitas não a conhecem pelo nome e há quem sequer saiba que ela existe! É a cultura da sua empresa ou, se quiserem, o DNA de sua organização!

Ela define a maneira pela qual a organização e a sua equipe interagem com o mundo exterior, principalmente parceiros, fornecedores e clientes. As pessoas vão querer fazer negócio com você por causa do que você acredita e defende, e não apenas por seus produtos. É a fórmula que orienta a equipa, bem como inspira e motiva os funcionários. Também é responsável por atrair e manter grandes talentos, bem como para a criação de um ambiente de trabalho divertido, feliz, saudável e emocionante.

Entender este princípio vai rapidamente permitir que você veja a importância da cultura da sua empresa e do papel que desempenha no sucesso de seu negócio. Nos últimos seis anos eu comecei várias empresas, algumas foram fracassos completos e algumas tiveram sucesso. Quando eu olho para trás, os principais fatores que fizeram a diferença entre as empresas que falharam em comparação com aquelas que foram bem sucedidas, a cultura empresarial foi um dos principais fatores na equação. Em muitas ocasiões, quando estávamos entrando em um mercado já saturado de concorrentes que ofereciam um produto ou serviço semelhante a nós, o que nos destacava era a cultura da empresa e a forma como nós, como uma equipe interagia com o dia a dia do cliente.

Com raras exceções, coisas como produtos, estratégias e até mesmo suas técnicas, podem ser duplicadas. Os únicos diferenciadores reais são os valores e as normas de sua organização.

Para obter uma visão mais profunda sobre o que é necessário para construir uma grande cultura de empresa, em minha recente viagem a San Francisco, eu decidi visitar algumas das maiores empresas do mundo, como Google, Facebook, Twitter, LinkedIn e alguns outros. Embora eu tenha aprendido bastante sobre cada uma das empresas e a maneira com construíram a sua cultura, o lugar que eu mais me impressionou foi o LinkedIn. Por três motivos.

Continue lendo em Zona de Desconforto

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: