Brasil gera US$ 1,5 bilhão em receitas de jogos digitais, e outras notícias

11/08/2014

Estudo: Brasil gera US$ 1,5 bilhão em receitas de jogos digitais

A empresa de inteligência de marketing especializada em games Superdata Research publicou estudo de julho de 2014 no qual estima que as receitas de jogos digitais no Brasil vão chegar a US$ 1,5 bilhão em 2014.  Esse número representa cerca de 34% das receitas da categoria na América Latina. México (US$ 963 milhões) e Argentina (US$ 616,0 milhões) completam os três principais mercados – os três países geram cerca de ¾ do mercado de jogos digitais na região este ano.  Embora seja provável que a oferta de jogos digitais gravite naturalmente em torno dos três pesos-pesados, devido ao tamanho de suas populações e economias, a disponibilidade de infraestrutura pode também ser um fator. Sob essa luz, é compreensível que o Chile (US$ 295 milhões), com uma população de cerca de 17 milhões, de acordo com o CIA World Factbook, mas com um PIB per capita superior e uma infraestrutura digital mais desenvolvida supere as receitas de jogos digitais previstas para a Colômbia (US$ 224 milhões), Venezuela (US$ 195 milhões) e Peru (US$ 125,0 milhões), países com populações maiores. Fonte: eMarketer

ComScore: número de usuários de smartphone atinge 173 milhões no EUA

 

Aproximadamente ¾ da população dos EUA usa smartphones, aponta estudo de junho de 2014 da comScore. Isso representa 173 milhões de usuários. Ainda segundo o estudo, a Apple é o principal fabricante de smartphones, com 42,1% do mercado OEM, enquanto o Google Android aparece como a plataforma de smartphone #1 com uma quota de 51,9% do mercado de plataformas. O Facebook está no topo dos aplicativos de smartphones (73,6%), seguido de YouTube e Google Play (ambos com 51,1%) e Google Search (47,9%). Fonte: Marketing Land

Mulheres na frente dos homens em compras in-apps nos games

As mulheres estão gastando cerca de 1/3 de seu tempo jogando em smartphones e, no processo, estão fazendo 31% a mais em compras dentro dos aplicativos em relação aos homens, de acordo com um relatório da Flurry, empresa de pesquisas online comprada recentemente pelo Yahoo. O estudo também descobriu que as mulheres apresentam uma taxa de retenção de sete dias na ordem de 42% para os jogos, tornando-as mais fieis do que os homens em relação aos aplicativos.Fonte: 24/7WallSt.

As notícias acima foram publicadas originalmente no Portal Abemd. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: