Fidelidade gera 88% a mais de lucro, o fim dos apps, Oracle, MMA…

26/06/2014

Varejistas com programas de fidelidade são 88% mais lucrativos

A informação consta de um relatório publicado pela UrbanBuz, uma plataforma de fidelidade e retenção do consumidor baseada em Dubai. Segundo Salam Saadeh, Chief Operating Officer da UrbanBuz, há várias técnicas provadas para garantir esse resultado. Um processo dinâmico de premiação funciona bem, afirma ele. Assim como uma comunicação dirigida de acordo com o nível de gastos do cliente. Surpreender o consumidor é uma boa técnica: pontos extras ou descontos especiais no dia do aniversário e outras datas, mas também premiações aleatórias. Atualmente, alerta, os programas funcionam melhor quando existe sinergia com as mídias sociais. Fonte: Loyalty360

Google I/O 2014: o começo do fim dos apps?

As coisas estão acontecendo tão rapidamente que você nem tem tempo de se acostumar com um novo produto ou conceito e ele já está ultrapassado. Veja o caso dos apps. Parecia que eles iriam tomar o lugar dos browsers. Mas aí vem o Google em seu evento anual e apresenta uma visão revolucionária que pode mudar completamente isso. A nova versão do Chrome, apresentada nesta quarta, 25/6, no Google I/O, não traz apenas melhorias, traz a concretização de uma visão. E o final dos aplicativos nativos como os conhecemos pode estar mais perto do que poderíamos pensar. Ela virá na atualização chamada Android L, e é uma mistura de aplicativos com web. Vamos ver os aplicativos ativos e também as páginas web ativas. Tudo com o mesmo valor. Por exemplo, quando você fizer uma pesquisa por voz em seu smartphone, abrirá o Chrome. Ao clicar no primeiro resultado da pesquisa, abrirá um aplicativo nativo. E você poderá alternar entre aplicativos para ler outro artigo da lista. A mudança faz sentido se você pensar que o Google sempre foi um desenvolvedor web em primeiro lugar. A empresa se tornou bem-sucedida com o seu motor de busca. Mas todos os seus produtos de sucesso que vieram a seguir eram aplicações web, como o Gmail, Google Calendar ou Google Drive (Google Docs). Indiscutivelmente, o Google ainda é o rei quando se trata de desenvolvimento de aplicações web. Mais importante ainda: a maior parte da receita do Google vem dos anúncios na web. Assim, quando se trata de tecnologia e de negócios, o futuro do Google está na web. Ainda. De acordo com vários especialistas em HTML5 e desenvolvimento web, o Android pode eventualmente se tornar um sistema operacional de baixo nível com aplicações web por cima. Isso vai efetivamente ser o fim dos aplicativos nativos como os conhecemos. Fonte: TechCrunch

Oracle compra Micros Systems por US$ 5,3 bilhões

A Oracle Corp anunciou na segunda, 23/6, que assinou um acordo para adquirir a Micros Systems, fabricante de sistemas de pontos-de-venda e envolvimento do consumidor baseados na nuvem para hotéis, fast-foods, cassinos, lojas de conveniência e navios de cruzeiro. É maior negócio da empresa desde a compra da Sun Microsystems por US$ 5,6 bilhões em 2009. Com a Adobe, a Salesforce, a IBM e todos os concorrentes competindo agressivamente no espaço do marketing na nuvem, a Oracle pode estar buscando construir uma vertical específica para gerar vantagens inclusive em relação a preços. Além de fornecer sistemas de POS, a Micros fornece inteligência de negócios, sistemas de e-commerce, CRM, programas de fidelização e soluções de planejamento de mercadoria. Seu pacote de serviços inclui marketing interativo, consultoria estratégica de negócios e serviços de design. Bob Weiler, executive vice-presidente da Oracle, informou que gestores e funcionários da Micros serão integrados à empresa como uma unidade de negócios separada. Fonte: DMNews

MMA Anuncia novo Conselho Diretivo na América Latina

A Mobile Marketing Association (MMA), líder global da indústria de propaganda móvel, anunciou  a adição de nove novos líderes da indústria para o Conselho Diretivo da América Latina. Eleitos pelos membros da MMA Latam, os novos membros do Conselho irão trabalhar por dois anos começando imediatamente. A soma de grandes líderes do setor da propaganda está alinhada diretamente com a recém anunciada missão da MMA de foco na inovação. Eis os novos membros do Conselho: Carlos Caceres, Innovation & Business Development, Carvajal; Fabio Ardila, Chief eCommerce Officer, Casa Editorial El Tiempo; Guga Stocco, Co-Founder, Koolen& Partners Venture Capital; Hector Costa, Managing Director, FOX Network; Jorge Rincon, Head of Entertainment and Solutions Performance, Milicom (TIGO); Marcelo Castelo, Partner & Co-Founder, Head of Mobile, F.biz- WPP Company; Renato de Paula, CEO, Havas WW Mexico (former EuroRSCG); Vanessa Rosas, Director Movil, Televisa; Victor Knewitz, Founder &Board Member, Zenvia. Permanecem no Conselho: Chairman: Herb Payan, SVP Digital Business, Sony Music Entertainment; Vice Chairman: Guilherme Gomide, CEO, Agencia Casa/ JWT; Alberto Pardo, CEO, Adsmovil; Beatriz Nunez, Regional Director Mobile,Terra Networks; Carlos Pereyra, General Manager, CMI (C-movil); David Melchor, CEO, Wireless Idea Corp; Eduardo Barbato, VP Strategy, Agencia 3; Luis Marcelo Correia, Head of Digital Products, GuiaMais; Manuel Rivera, CEO, Grupo Expansion; Mercedes Lopez Arratia, Head of Digital Marketing, Banamex; Pedro del Priore, CEO, AgenciaGinga; Thiago Moreira, Managing Director- Telecom, The Nielsen Company. Fonte: Flotter&Schauff

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: