Google Glass terá modelos Ray-Ban e Oakley, e outras novidades

27/03/2014

Google Glass terá modelos Ray-Ban e Oakley

Andrea Guerra, CEO da Luxottica, e Astro Teller, do Google, posam para o WSJ para anunciar parceria

O Google ganhou um poderoso aliado na sua luta para tornar estiloso o Google Glass. A fabricante italiana de óculos Luxottica, dona das marcas Ray-Ban e Oakley, informou na segunda-feira, 24/3, que concordou em projetar, desenvolver e distribuir novas versões dos óculos conectados à Web do Google. É um interessante sinal de interesse no Google Glass, vindo da indústria de óculos, ainda que os consumidores permaneçam em dúvida sobre os méritos do dispositivo. “O Google abriu uma nova oportunidade potencial para o uso de óculos”, disse Andrea Guerra, chefe-executivo da Luxottica, em uma entrevista. Ele contou também que sua empresa

e o Google começaram a trabalhar juntos no ano passado. No mesmo dia, o Google publicou uma lista de 10 mitos que cercam o Google Glass. O principal talvez seja que o produto “distrai as pessoas do mundo real”. Segundo o post publicado no blog da empresa, “em vez de olhar para a tela do seu computador, celular ou tablet, enquanto a vida acontece ao seu redor, o Glass permite que você olhe para frente e se envolva com o mundo. Grandes momentos na vida – concertos, performances do seu filho, uma maravilhosa paisagem – não devem ser experimentado através da tela enquanto você está tentando capturá-los.” Leia sobre todos os mitos em https://plus.google.com/+GoogleGlass/posts/axcPPGjVFrb. Fontes: WallStreetJournal, ComputerWorld (via Portal Abemd)

Programas da Tesco, da Starbucks, da Bloomingdale’s e da MoPals ganham em nova premiação da Colloquy

O Colloquy Loyalty Awards que escolhia os melhores programas e iniciativas de fidelização do ano foi substituído por uma nova premiação bimestral chamada Colloquy Recognizes. A partir de agora, cada edição da revista Colloquy irá destacar as melhores estratégias em ação no presente. Tesco, Starbucks, Bloomingdale’s e MoPals foram as primeiras empresas premiadas.  “Durante 25 anos, a Colloquy tem sido a voz da indústria do marketing de fidelização, fornecendo publicação, educação e pesquisa que informam e inspiram as empresas ao redor do globo”, observou Jeff Berry, Diretor de Pesquisa da Colloquy. “Estamos muito contentes de reconhecer essas empresas por suas contribuições e inovações.” A Tesco recebeu o prêmio de uso inovador da personalização, a Starbucks ganhou como mais inovador  aplicativo móvel, a Bloomindale’s ganhou como melhor programa de varejo e a MoPals levou o prêmio de programa de fidelidade que merece ser observado.Fonte: Colloquy (via Portal Abemd)

O paradoxo da privacidade x personalização: como criar fidelidade se os consumidores não se envolverem

Os profissionais de marketing de hoje, em busca da fidelização de seus clientes, estão em face de um paradoxo: cada vez mais, os consumidores estão esperando comunicações mais relevantes e experiências personalizadas de marcas, mas também estão cada vez mais preocupados com a privacidade e o uso de informações pessoais. Uma nova pesquisa da TRUSTe revela que os consumidores estão mais preocupados com a privacidade online do que um ano atrás. Não é uma surpresa, mas certamente é preocupante para as empresas que querem se envolver com seus clientes e personalizar as ofertas e comunicações de seus programas de fidelidade. Alguns pontos a destacar na pesquisa são:

– A preocupação do consumidor: 92% se preocupam com sua privacidade online vs 89% no ano passado;

– Confiança: 55% usuários de internet dos Estados Unidos confiam às empresas as suas informações pessoais contra 57% no ano passado;

– Impacto no negócio: 89% evitam negociar com empresas que não protegem a sua privacidade;

– Compras online é a maior preocupação de 92% dos usuários, seguida por internet banking, sites de redes sociais e aplicativos móveis.

Fonte: MaritzLoyalMarketing (via Portal Abemd)

NVidia apresenta o primeiro supercomputador móvel para sistemas integrados

A NVidia lança o primeiro supercomputador móvel do mundo para sistemas integrados para o desenvolvimento de uma nova geração de aplicativos de computação visual, processamento de imagem e processamento de dados em tempo real. O Jetson TK1 fornece ferramentas para criar sistemas e aplicativos que podem fazer com que robôs atuem com perfeição auxiliando os médicos na realização de exames de ultrassom móveis, ajudando drones a detectarem objetos em movimento e carros a detectar pedestres. Com um desempenho de 326 gigaflops (três vezes mais do que qualquer plataforma integrada similar) o Jetson TK1 inclui um kit de ferramentas C/C++ completo baseado na arquitetura NVIDIA CUDA, o modelo de programação e computação paralela mais disseminado do mundo. Isso torna muito mais fácil de programar do que os processadores FPGA, ASIC personalizado e DSP que são comumente utilizados nos sistemas integrados atuais. No centro do Kit de desenvolvimento  Jetson TK1 está o processador móvel Tegra K1, o superchip de 192 núcleos da  NVIDIA baseado na arquitetura KeplerT, a GPU mais avançada e com maior eficiência energética do mundo. Os 192 núcleos programáveis fornecem avançados gráficos e maior performance de computação em um formato móvel. Fonte: Sing Comunicação de Resultados

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: